Alô minha gente, tudo de boa por ai dentro daquele famosíssimo possível?

Conseguimos ultrapassar o meio do ano e finalmente chegou Agosto todo trabalhado na dualidade das coisas, obrigando que o Ego seja moldado para que a agressividade gratuita não se apodere da nossa forma de se expressar, que inclusive pode estar entre a comunicação extravagante e sensível, e a comunicação internalizada e distante do social. 

Além disso, nesse mês completaremos 5 planetas em seu movimento retrógrado pra dar um “tempero” a mais na nossa rotina e colocar todas as cabecinhas pensantes – e as que não escolhem pensar também – pra internalizar um montão de questões e descobrir novas formas de lidar com as nossas potencialidades.

E só pra deixar bem explicadinho, quando falo “nossas potencialidades” tô empregando aqui o conceito de Carl Jung que acredita que temos sombras e luz dentro de nós e que, para conseguirmos lidar com o lado obscurecido das outras pessoas, precisamos entender os nossos primeiro. 

É, bicho. O buraco sempre é mais embaixo do que a gente imagina. Astrologia não é sobre viajar na batatinha e aqui a gente usa esse estudo como uma ferramenta a mais a favor do autoconhecimento. Mas vamos aos aspectos astrológicos principais do mês. 

O COMEÇO

No início do mês teremos as influências da Lua Cheia em Aquário nos fazendo enxergar com mais clareza os nossos sentimentos que se chocam entre o individual e o social. Isso porque quem ilumina os sentimentos (Lua) que temos dos aspectos sociais em que estamos inseridos (Aquário), é o Ego que se encontra no centro de tudo e brilhando mais que diamante (Sol em Leão).

É sobre entender que as nossas várias faces se complementam e não funcionam tão bem quando são separadas. Tudo está junto e misturado e é por isso que cabe a nós, lidarmos com isso com sabedoria e prudência.

É aí que vem o Mercúrio em Leão colocando bastante criatividade e verdade naquilo que falamos, na forma como nos comunicamos e nos temas que abordamos ou estudamos. E é esse aspecto unido com a Vênus em Câncer que irá empregar ainda mais verdade na nossa vida e relacionamentos.

É que com a Vênus estando em Câncer, ficamos mais centrados no aconchego do que já é conhecido e amado por nós, tanto no lar, quanto nos relacionamentos em geral. É de onde virá a força que precisamos quando estamos com a bateria já no finalzinho. E essas raízes não nos deixam mentir sobre quem somos, de onde viemos e pra onde queremos ir. 

O MEIO

Quando chegar o meio do mês, teremos o fim de ciclo lunar com as influências de Touro, nos fazendo questionar até aonde esse conforto carnal encontrado nas raízes é uma coisa positiva e que nos impulsiona, e até aonde é uma tentativa de negação de que o que ficou pra trás deve permanecer no passado. 

E é nesse momento que o quinto planeta entra em seu movimento retrógrado. Dessa vez estamos falando de Urano que, sob as influências de Touro, trará essas contradições mais a tona, principalmente no quesito profissional/financeiro. 

Isso pode significar que teremos que lidar com algumas surpresas que nem os mais preparados com um planejamento super detalhado tinham pensado vivenciar. Mas calma, não é ruim ser tirado da própria linha de pensamento e ser obrigada a se mexer para outros lado, pois são nesses momentos que conseguimos utilizar as nossas potências e enxergar novos pontos de vista. 

Faça isso que quando o novo ciclo lunar começar com Leão, se sentirá mais comprometida com seus objetivos, assumindo riscos que sejam possíveis de você arcar a longo prazo. Isso porque estará sentindo mais orgulho de você mesma por ter aproveitado essas influências e se permitido tanto. 

O FINAL

Já no final do mês, Mercúrio entrará em Virgem e nesse momento poderemos sentir uma transição entre o teatralismo e vivacidade, e a discrição e atenção aos detalhes na hora de se expressar. 

Isso será reforçado com a entrada do Sol em Virgem nos obrigando a manter uma conexão saudável com o corpo e entender as minúcias que ele quer nos dizer, isso tanto da parte psicológica quanto da parte física.

Não é confortável lidar com faces tão diferentes uma da outra num mesmo mês, mas sem esse chacoalhão não teríamos a necessidade de lidarmos com tudo o que temos dentro de nós. Então aproveite esse momento para dar aquela revisada nos planos para o futuro e aprender o que fazer com o que está em suas mãos.

E para dar um gás nisso, a Lua Crescente estará com as influências de Sagitário distribuindo vigor e otimismo para darmos início ao processo de transformar aquilo que desejamos a curto e longo prazo, em realidade. 

Então esteja alinhadíssima com suas próprias verdades, se apresente para si mesma em toda a sua completude, abrace a sua complexidade, pegue as energias que o conforto do conhecido tem pra te oferecer e se jogue com sabedoria em direção ao diferente. 

 

Clique aqui e marque sua consulta comigo!

 

Veja mais:

Horóscopo Mensal –  2020

Horóscopo Áries – 2020

Horóscopo Touro –  2020

Horóscopo Gêmeos –  2020

Horóscopo Câncer –  2020

Horóscopo Leão –  2020

Horóscopo Virgem –  2020

Horóscopo Libra –  2020

Horóscopo Escorpião –  2020

Horóscopo Sagitário –  2020

Horóscopo Capricórnio –  2020

Horóscopo Aquário –  2020

Horóscopo Peixes –  2020